Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2017

Mitos e verdades sobre o óleo de coco

Imagem
Óleo de coco é tido por muitos como algo milagroso, mas a ciência mostra que ele não é tão favorável quanto parece O mundo dos produtos naturais nunca está livre de modismos. O óleo de coco também não escapou desse mérito milagroso e tornou-se a solução para variados itens, entre eles estão: a prevenção de doenças cardiovasculares, bom para o cabelo, para a higiene e ainda auxilia no emagrecimento.  Porém, a nutricionista comportamental, Patrícia Cruz, alerta que óleo não deve ser visto como algo milagroso. “Ele é fonte de gordura saturada e apresenta forte correlação com a elevação do colesterol. Dessa forma, aumenta o risco de doenças cardiovasculares e de processos inflamatórios que elevam os riscos de doenças crônicas não transmissíveis”, explica a especialista. O óleo de coco é extraído a frio da massa de coco e classificado como gordura saturada. Sendo assim, é composto por ácidos graxos (ácido láurico) que apresentam menos efeitos no perfil lipídico. Óleo de coco: benefícios e a…

Festa Junina - Saiba quais pratos típicos você pode consumir sem prejudicar a saúde

Imagem
As tentaçõese o dilema de como desfrutar a variedade de alimentos das Festas Juninas sem prejudicar uma dieta equilibrada é a preocupação de grande parte das pessoas.  As opções mais calóricas são as que possuem maior quantidade de açúcar e gordura. “Podemos incluir o amendoim, paçoca, doce de abóbora e cachorro quente como os mais calóricos. Os menos calóricos são a pipoca e o milho, desde que consumidos sem manteiga”, diz Cintya Bassi. Se a festa for em casa, existem formas de diminuir as calorias. “Há receitas disponíveis que substituem o açúcar por adoçante, como paçoca, doce de abóbora e bolos, tornando os alimentos menos calóricos”, explica a nutricionista do São Cristóvão. Já as bebidas precisam ser consumidas com cautela. De acordo com a profissional, o vinho quente – o mais calórico – possui cerca de 200 calorias na porção; o quentão apresenta entre 100 e 130 calorias dependendo da receita; e o suco de uva aproximadamente 140 calorias. Amendoim -A principal característica do ame…

Dia Mundial do Skate: 21 de Junho

Imagem
Cada vez mais em destaque, a modalidade se desenvolve de forma acelerada no país
A prática do skate cresce ano após ano no Brasil e no mundo, ganhando novos seguidores, adeptos e admiradores. Segundo pesquisa do Datafolha, realizada em 2015, existe atualmente 8,5 milhões de praticantes no país, o que faz do Brasil a segunda maior indústria mundial de produtos relacionados ao esporte, entre acessórios, vestuário e o próprio skate. O faturamento deste mercado é estimado em R$ 940 milhões por ano, perdendo apenas para os Estados Unidos (US$ 4,5 bilhões por ano).

O esporte, que nasceu nas ruas, ganhou força no Brasil na década de 80 com o surgimento de diversas marcas nacionais, criadas pelos próprios skatistas ou simpatizantes. Diferente dos dias atuais, os lançamentos internacionais demoravam meses para chegar no mercado brasileiro. Este foi um importante fator para o desenvolvimento e sucesso dos fabricantes locais.

Outro ponto que colabora para o crescimento constante e gradativo do seto…

Escola estimula alimentação saudável entre seus alunos

Imagem
Cardápio da instituição garante refeição balanceada visando saúde, energia e nutrição adequada para o desenvolvimento das crianças; Açúcar refinado foi reduzido para o preparo dos lanches das turmas da Educação Infantil
Em vez de frituras, refrigerantes e os salgadinhos, entram o pão integral, legumes, grãos e frutas. Pensando cada vez mais na qualidade de alimentos que os estudantes comem nos intervalos das aulas e propondo hábitos mais saudáveis, a Escola Internacional de Alphaville, escola brasileira de educação internacional localizada em Barueri (Grande São Paulo), oferece uma alimentação equilibrada aos seus alunos no refeitório da Instituição. Os cardápios elaborados são diferenciados de acordo com a faixa etária e com alimentos de cores e texturas diferentes, sempre com especial atenção a uma refeição saudável, atraente, rica em fibras e prevenindo a obesidade.
É uma das premissas da escola para cuidar do bem-estar do aluno, despertando não apenas o prazer de se alimentar, mas a…

Mantenha o peso no inverno

Imagem
A maioria das pessoas relatam que durante as estações mais frias do ano o apetite aumenta e a circunferência abdominal também. Estudos comprovam que em dias mais frios as pessoas costumam sim comer mais. Como consequência tem-se o ganho de peso (de 0,5 kg a até 1 kg). Parece pouco? Mas, Dra. Paula Pires endocrinologista da Clinica Essenza explica que o fato é uma das hipóteses para ganho de peso progressivo e significativo (a cada inverno a pessoa ganha 1 kg, ou seja, 10 kg após 10 anos) a maioria das pessoas com 50 anos estão de 10 a 15 kg acima do peso comparado a quando eram mais jovens. Cientistas descobriram que durante o inverno o consumo de caloria aumenta em média 200 kcal, o que equivale a dois pãezinhos franceses a mais por dia. As teorias sobre o motivo desse aumento do apetite ainda são controversas. Controlar a fome muitas vezes não é tarefa simples, então  Paula Pires elencou dicas eficientes que podem ajudar. 
1-Não precisa radicalizar e se privar totalmente das comidas q…