Instagram

Seguir por Email

quarta-feira, 27 de maio de 2015

Por que beber água é essencial


A importância do consumo de água para evitar a Doença Renal Crônica e outros problemas renais

      Você sabia que existe o Dia Mundial do Rim? Sim, e ele é celebrado no dia 12 de março e foi criado para 
alertar a sociedade a respeito das doenças renais, em especial, a Doença Renal Crônica (DRC), que é silenciosa e afeta consideravelmente a qualidade de vida dos portadores. Entre os cuidados principais estão atitudes simples, como beber água todos os dias, o que ajuda a proteger os rins e diminuir o número de casos.
       Responsáveis por eliminar toxinas e substâncias do organismo, manter os líquidos e sais do corpo em níveis adequados, e participar do controle da pressão arterial, os rins são órgãos vitais no corpo humano e é de suma importância ficar alerta com seus cuidados e se prevenir.
        Atualmente, um em cada dez adultos no mundo desenvolvem a DRC. A doença consiste em uma lesão renal e geralmente perda progressiva e irreversível da função dos órgãos. O quadro pode ser definido pela presença de algum tipo de lesão mantida há pelo menos 3 meses com ou sem redução da função de filtração. A maioria dos portadores não sabem que estão com a doença porque ela não costuma ocasionar sintomas, a não ser em fases muito avançadas.
      Para isso, além de outros cuidados, ter uma hidratação correta é uma das principais formas de evitar a DRC e também a formação de outro problema muito sério nos rins: os cálculos renais. Os cálculos são formados quando há concentração excessiva de determinados minerais ou sais ácidos – como o cálcio, o ácido úrico e o oxalato – na urina, que acabam por se cristalizar, formando uma pedra. Por isso, ingerir bastante líquido é essencial para ajudar a eliminar o excesso dessas substâncias e garantir o bom funcionamento dos rins e a integridade do sistema urinário.

  Para evitar o risco de desenvolver a DRC e outras doenças renais, a Sociedade Brasileira de Nefrologia elaborou uma série de orientações, baseada em atitudes simples que podem ser realizadas no dia a dia, tais como:
1. Tenha hábitos alimentares saudáveis;
2. Controle o peso;
3. Pratique atividades físicas regularmente;
4. Controle a pressão arterial;
5. Beba água regularmente;
6. Não fume;
7. Não tome medicamentos sem orientação médica;
8. Se for diabético ou tiver histórico de diabetes na família, controle a glicemia (açúcar no sangue) regularmente;
9. Se tiver um dos fatores de risco, acompanhe com o médico e avalie regularmente a função dos rins: diabetes, hipertensão arterial, obesidade, histórico de DRC na família, doença cardiovascular;

Atitudes simples ajudam a cuidar dos rins e manter uma vida longa e saudável.


Nenhum comentário:

Postar um comentário