1o Campeonato Nacional WFF-WBBf


Federação brasileira World Fitness Federation e World Body Building Federation (WFF-WBBF) realiza 1º Campeonato Nacional em São Paulo
1º Campeonato Nacional WFF – WBBF Brasil faz seletiva para o Mundial e conta com convidados internacionais e novas categorias. O objetivo é apresentar a federação a todos os atletas do Brasil e pré-selecionar os melhores para representar o Brasil no mundial amador e profissional.
No dia 21 de setembro, a WFF-WBBF Brasil, representante nacional de uma das mais importantes federações internacionais de fisiculturismo e fitness, vai realizar seu primeiro campeonato, com abrangência nacional, e aberta a atletas de todos os estados e de todas as modalidades, no auditório da Universidade Paulista (Unip), Campus Vergueiro, em São Paulo. O evento será uma seletiva para o Campeonato Mundial e consequente oportunidade para participação do Campeonato Profissional, que acontecem, respectivamente, em outubro e em novembro, na Eslováquia. “O objetivo é escolher os melhores do Brasil e selecioná-los para representar o país”, afirma Crecky Chaves, presidente da federação nacional.
Para julgar os bodybuilders e atletas fitness brasileiros, o evento contará com um júri especializado, composto por representantes do esporte mundial e convidados internacionais, como o presidente internacional e fundador da WFF-WBBF internacional, Edmundas Daubaras, da Lituânia, o presidente da mesma federação na Eslováquia, Stephan Hultka, o presidente para a América latina, o argentino Jorge Cedale, o  árbitro internacional de fisiculturismo, treinador da seleção argentina feminina de rugby e  preparador físico, Miguel Seró, e o presidente da federação no Paraguay, Rubén Pibe.  Junto a alguns árbitros nacionais, esses jurados, vão selecionar atletas, em várias categorias, na modalidade Body Building, na qual são avaliadas as qualidades estéticas, como simetria, tamanho, proporção e definição muscular; e Fitness, que é julgada pela observação das virtudes físicas, como força, flexibilidade, resistência e coordenação.
Entre os destaques do evento, estão duas categorias estreantes no Brasil, nas duas modalidades: Fit Kids (Fitness), voltada a crianças menores de 8 anos e adolescentes até os 14, e Feminino Especial (Bodybuilding), direcionada a atletas portadoras de necessidades físicas especiais. A primeira tem avaliação baseada em uma apresentação coreográfica, com elementos de modalidades esportivas às quais os atletas se dedicam, e a segunda é julgada com base na exibição estética das atletas, por meio das chamadas poses compulsórias, que evidenciam a musculatura, devidamente adaptadas. Ambas as apresentações seguem os mesmos critérios das categorias clássicas de suas modalidades e tem como objetivo mostrar, especificamente, as qualidades mencionadas acima. “São categorias lindas, chamativas, com as quais tentaremos contribuir para uma e inclusão esportiva e também tirar as nossas crianças do sedentarismo”, ressalta Crecky.

O campeonato
Pela manhã, os atletas participam da fase semi-final, onde se apresentam para classificação e avaliação do júri. No intervalo, é feita a somatória das súmulas, chegando a classificação de todos os atletas. À noite, acontece a final, quando todos voltam a se apresentar, mas com a presença do público, e os seis melhores colocados recebem as respectivas premiações, de acordo com a classificação, dada pelos árbitros na semi-final. Segundo Crecky Chaves, há um diferencial no julgamento da modalidade Bodybuilding, em que a divisão dos atletas em suas respectivas categorias é feita por um júri especializado, separando as mesmas pelo tamanho muscular dos competidores, e não com base em critérios relacionados a peso e a altura, como é feito pela maioria das federações.  “Tanto no masculino quanto no feminino, o que conta é o desenvolvimento muscular, o tamanho da musculatura, e, nesse evento, será o próprio presidente internacional, Edmundas, quem fará essa seleção”, revela. Na modalidade Fitness, os atletas são classificados segundo os padrões, comuns às outras entidades, de divisão por faixa-etária.
Os participantes ainda terão a chance de se inscrever até no próprio dia do campeonato, das 09  h as 11 h, portando o RG. O principal objetivo do evento é apresentar a WFF Brasil ao atletas em âmbito nacional. “Esse primeiro evento é para que conheçam a federação, nosso trabalho, as categorias e os critérios”, confirma a presidente.

Sobre a WFF – WBBF Brasil
A WFF- WBBF Brasil está em atividade no segmento de fitness e fisiculturismo no Brasil há dois anos. A federação já conquistou 11 títulos em eventos mundiais, entre eles, os Campeonatos Amador e Profissional de 2011 e 2012. Os campeonatos nacionais e estaduais seguem as regras definidas pela WFF-WBBF internacional, entidade com a missão de promover o fisiculturismo e o fitness a nível mundial.
A fundadora e presidente da WFF-WBBF Brasil, Crecky Chaves, foi uma das atleta campeãs pioneiras de Fitness Figure no país. Em 2011, conquistou os títulos de Campeã Pro Amber Prix Olympia, Campeã Overall Mundial e Campeã Mundial em Duplas, tendo sido o primeiro entregue em um campeonato na Eslováquia, e os dois últimos, na Áustria. As premiações são das mais importantes dentre as categorias clássicas do esporte. Atualmente, ela também se dedica à preparação dos atletas filiados à federação.

1ºCampeonato Nacional WFF-WBBF - 21 de Setembro de 2013
Inscrições: 9h00 às 11h00
Coletiva com o presidente da WFF-WBBF, Edmundas Daubaras: 11h00
Semi-final: 13h00
Final (Show e Premiação): 17h00

Local: Auditório da Unip Vergueiro – Rua Vergueiro, 1211, São Paulo (SP)

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Gosta de abacaxi? Saiba quais são os benefícios da fruta para o organismo

A vida pede atitude. Movimente-se