Com hábitos mais saudáveis é possível retardar o envelhecimento







              Presidente da Academia Brasileira de Medicina Antienvelhecimento, a cirurgiã plástica, Dra.Edith Horibe explica como é possível prevenir  o envelhecimento parcial das pessoas devido ao declínio dos hormônios


O envelhecimento é um processo que acontece com inevitáveis complicações que desencadeiam em doenças cardiovasculares, diabetes, câncer, demência, assim como no declínio das habilidades cognitivas e físicas. A nova ciência chamada Antienvelhecimento, tem como objetivo prevenir e possivelmente reverter alguns dos processos de envelhecimento, não somente tratando as complicações.


Para a Dra. Edith Horibe, cirurgiã plástica, expoente em Gestão Antienvelhecimento e em Estética Médica uma das possibilidades está na modulação hormonal, hormônios bioidênticos, tais como HGH, testosterona para homens e mulheres, estrógenos e progesterona para mulheres, tais como DHEA, pregnenolona e melatonina, que pode significantemente alterar o processo de envelhecimento. 

Vale ressaltar que o gerenciamento do Antienvelhecimento está alicerçado numa expressiva mudança do estilo de vida, que deve ser supervisionado por médicos voltados a orientar e otimizar a saúde dos pacientes, preservando-a pela vida inteira. Por exemplo: comer adequadamente, tomar vitaminas, controlar o peso, praticar exercícios e a meditação em especial que reduz o estresse, já modulação hormonal e tratamentos estéticos faciais e corporais ajudam a manter a aparência mais jovial.

"Eu recomendo fortemente seguir as respectivas mudanças no estilo de vida, e assim com mais consciência, dar passos coerentes que levam as pessoas a se tornarem mais saudáveis, pois sabemos que existe a possibilidade de envelhecer graciosamente e inteiramente bem até aos 90, 100 ou mais anos de idade", explica a Dra. Edith Horibe.

Para a especialista, algumas opções simples, interessantes e acessíveis fazem toda a diferença se encaradas com determinação e seriedade, como:

*Exercício: Caminhar é uma excelente maneira de se exercitar e isso pode ser feito pelo menos 30 minutos por dia.

*Dieta saudável e equilibrada.

*Peso: Controlar o peso pode evitar problemas de saúde como diabetes e pressão alta.

*Meditação: Redução do estresse e equilíbrio físico e psico. Reserve um tempo, todos os dias, para fazer coisas prazerosas que reduzem angústia e ansiedade, além do estresse.

*Complementos Nutricionais: O corpo necessita desses nutrientes, que são essencias para o funcionamento adequado de suas funções.

*Tratamentos Antienvelhecimento: Evitar exposição solar, tabagismo e poluição do ar, que são agentes responsáveis pela formação de radicais livres, que na verdade são moléculas que sofrem altas modificações, e na tentativa de neutralizarem-se atacam as células. Neste processo as células ficam danificadas, causando sequelas como marcas de idade, mudanças na pigmentação e no viço da pele, deixando-a com o aspecto de envelhecida. É possível atenuar as lesões na derme com loções que contenham componentes especiais e anti-oxidantes, como: Co-enzima Q, vitamina C, ácido lipólico, DMAE, vitamina E e outros.

*Modulação Hormonal com bioidênticos: aos 24 anos, os níveis hormonais estão no seu pico mais alto, porém com o passar do tempo os hormônios declinam a ponto de que a partir dos 50 anos, geralmente o organismo passa a produzir somente 50% dos hormônios que controlam o metabolismo e a sexualidade.

Para manter a juventude é fundamental agregar várias atitudes para uma vida com qualidade e longevidade: alimentação balanceada, prática de exercícios físicos e administração do stress são considerados fatores preponderantes para a prevenção e tratamento do envelhecimento que acontece naturalmente com o passar do tempo.











Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Gosta de abacaxi? Saiba quais são os benefícios da fruta para o organismo

A vida pede atitude. Movimente-se