Saúde mobiliza 10 mil universitários em campanha para doação de medula

Cadastramento de doadores, também aberto à população, será promovido por hospital estadual na Unicid a partir desta 3ª

O hospital e maternidade estadual Leonor Mendes de Barros, da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, irá mobilizar a partir desta terça-feira, 3 de maio, cerca de 10 mil universitários em uma campanha para doação de medula óssea. O cadastramento de doadores acontecerá na Universidade da Cidade de São Paulo (Unicid) e também será aberto à população.
Haverá plantões no campus Tatuapé da universidade das 10h às 14h de amanhã e das 18h às 22h nos dias 4 e 5 de maio. Os interessados precisam ter entre 18 e 54 anos, além de apresentar bom estado de saúde. Não existe critério de peso nem é necessário estar em jejum.
Nas ultimas semanas, os alunos da Unicid participaram de palestras informativas, com relatos de familiares e pessoas que foram beneficiadas pela doação de medula óssea. As apresentações tiveram o objetivo de sensibilizar os alunos a aderirem à campanha.
O cadastro é simples e consiste na coleta de sangue, bem como o preenchimento de um questionário com informações sobre saúde e dados pessoais do doador, como endereço e telefone.
         O diretor do Leonor Mendes de Barros, Corinto Mariano Neto, explica que o processo de doação e transplante de medula é rápido e indolor. “As pessoas não sabem que não é necessário permanecer internado para realizar o procedimento. Um simples cateter extrai a medula da bacia e pouco tempo depois já é injetado no paciente receptor. Um gesto simples que pode salvar vidas”, explica.


Local:
Universidade Cidade de S. Paulo
Rua Cesário Galeno, 475, Tatuapé (Estação Carrão do Metrô)
Tel.: 11 - 2178 1212 - www.unicid.br


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Gosta de abacaxi? Saiba quais são os benefícios da fruta para o organismo

A vida pede atitude. Movimente-se